terça-feira, 13 de agosto de 2013

Tread Lightly

Como boa fã que sou, e como louca!fã que sou, me proponho, através desta, fazer um review pra cada episódio dos últimos oito episódios (ever!!!) da série que eu penso ser a melhor da tv na atualidade — ou pelo menos a melhor das que já assisti e/ou assisto. Isso mesmo, estou falando de Breaking Bad.

Quando a série terminar, pretendo fazer um post exclusivo pra gritar aos quatro ventos a certeza que nenhuma série que eu assisto pode bater essa série de outro mundo (ou pra comprovar que Breaking Bad fez uma lavagem cerebral em mim).

De qualquer forma, vamos lá... A opinião pessoal sobre o episódio nono da quinta temporada (S5E09): Blood Money.


Vince Gilligan nunca decepciona. E esse episódio foi uma prova concreta disso, e só um gostinho do que nos espera nesses últimos e tão aguardados episódios.

Comecemos pelo flashforward. O coração apertou logo nos primeiros minutos porque s-o-c-o-r-r-o. Ver a casa destruída, o Walter loucão, barbudo, parecendo um mendigo ao procurar a ricina, uma enorme pichação com o nome Heisenberg no meio da sala, e a vizinha Carol correndo em desespero depois de receber um oi do seu antigo vizinho, só pode significar uma coisa: o caminho entre o presente e o futuro da cena do flashforward não deve ter sido bonito. E a coisa, obviamente, veio a tona de uma forma grandiosa.

Agora, saindo daquilo onde nós fomos deixados no último S5E08, podemos ver o Hank se despedaçar e entrar em colapso percebendo que tudo o que ele procurava estava bem abaixo do nariz dele. W. W. E da garagem dele a gente pode ver ele arquitetar tudo o que ele precisava saber. E foi lindo. Fala sério?

Sabe o que mais foi lindo? Skyler queen being Skyler mandando a Lydia cair fora. E foi lindo porque a Skyler é o dobro do tamanho da Lydia e isso por si só é o suficiente pra gente saber que Skyler isn't take any of that shit. Diga-se de passagem, I'm here for Skyler White and Jesse Pinkman only. Brincadeira.





E por falar em Jesse Pinkman, o que aconteceu com você meu amô? Sério. Eu vivo nessa relação de amor e ódio pelo Walter, mas principalmente ódio porque não tem como desculpar ele por como ele traumatizou o Jesse. Não que ele (Pinkman) fosse totalmente inocente no começo da série, mas ele não era 10% fucked up do que ele é agora. O Jesse foi de um cara "alegre" pra um totalmente escuro e horrorizado. E ver ele sofrendo é uma das coisas que me dá mais agonia.

Ver o Walter tentando manipular ele mais uma vez ao dizer que não sabia nada sobre o Mike, foi a gota d'água, mas pelo menos nós sabemos que o Jesse não acredita, ou ao menos não acreditou, na palavra desse evil genius que é o White. Porque "I think he is dead... And I think you know that". U g h. Somebody please help Jesse Pinkman?! Não posso com isso, juro pra vocês, ele distribuindo dinheiro e antes querendo doar tudo pra neta do Mike e pros pais do gurizinho que o Todd matou (e que agora me fugiu o nome) quebrou meu coração fangirl. Mesmo. Mesmo.

E pra finalizar, rapidin, esse post corrido feito no trabalho mesmo (heheheh, fora da lei), vamos falar da cena do ano: o confronto entre o Hank e o Walter. Acho que espero por isso desde sempre. Acho que aquele soco que o Walter levou é só 1% do que o Walter merecia. Mas ainda assim, tô aqui temendo tanto por ele quanto pelo Hank. O evil genius merece tudo o que possa acontecer com ele. Ele merece porque ele realmente trouxe isso pra cima de todo mundo, e a única coisa com o que ele se importa é salvar a si mesmo. E eu, depois de ver a última cena do S5E09 percebi que eu quero mesmo que seja o Hank a trazer tudo a tona. E eu adoro o Hank. Ele é quem nos faz perceber que a gente torce pro lado errado. Porque por mais que a gente se apegue aos personagens, o Hank tentando descobrir todas as tretas é algo real e aquilo pelo que nós devíamos, em tese, estarmos procurando também. E torcendo. Mas não tem como não ficar com o coração apertado pelo Crystal Ship. Não tem como não se apegar a eles. E isso é só um dos diversos motivos d'o porquê Breaking Bad é simplesmente genial.

Esperemos agora pelo S5E10, porque my body is ready but it really isn't. 

Nenhum comentário

Postar um comentário

© OH SO FANGIRL
Maira Gall